quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Mamáminha até ao caroço

"A todos os caloiros, deixo um conselho: apaixonem-se pela Tradição Académica, sintam o peso da responsabilidade enquanto parte da Academia, vivam e façam crescer todo o Espírito Académico que vos foi incutido pelo vosso Chefe de Manada e Pastores. Nunca se esqueçam de que não se pode ter tudo, a praxe e o traje são uma responsabilidade e um pacote uno e indivisível. Não encontrem a tradição vazia de sentido e desfilem trajados na Queima das Fitas ou na Recepção ao Caloiro porque "está na moda" e como modo de se vingarem do que foram sujeitos enquanto bichos/caloiros. Se acham a praxe e a tradição vazia, distanciem-se. E se têm algo para vingar é porque foram mal praxados na vossa recepção, sim, mas também porque o deixaram ser, pois se bem se lembram, a praxe nunca foi ou será uma forma de humilhação, mas sim, de integração no seio da Academia. Sem qualquer tipo de problemas, sejam capazes e digam que não querem, respeitando quem quer. Só assim ela poderá evoluir, sem inclusão de pessoas que não a querem. Nunca exclusiva, isso tem de ser uma verdade inquestionável. Mas não inclusiva de tudo e todos, mesmo daqueles que lhe não têm qualquer respeito. E quem gosta, que aprenda com os mais velhos o significado mais lindo do traje. Entendam que a recepção ao caloiro é só uma pequena parte da vida académica e de uma praxe vista como uma forma de estar e viver os anos universitários. Os nossos melhores anos...
(...)
A semente está lançada...Agora a vós cabe fazê-la crescer e dar frutos..."

Excerto do discurso do Excelentíssimo Veterano Duarte Marques, Chefe da Manada Mamáminha até ao caroço





"Serás tu a decidir qual a imagem da praxe, no presente e no futuro. Serás tu a fazer a praxe, como caloiro e como doutor. A única condição, se é que ela existe, é fazeres parte da praxe, praticando, defendendo a cor do teu curso, a tua faculdade, a tua academia, a tua cidade, sempre com o "espírito académico" necessário."

(retirado daqui: http://adsl.tvtel.pt/antipodas/txtpraxe.htm)

1 comentário:

  1. Conheço essa frase de algum lado!

    Mto bem dito...

    Bjs

    ResponderEliminar